Blog da Parábola Editorial

Blog da Parábola Editorial

Os 5 livros campeões de vendas de 2018

Os 5 livros campeões de vendas de 2018

 

Quando um ano termina e com a chegada de um ano novo, é costume muitas pessoas e empresas fazerem um balanço e avançarem perspectivas. Nós, da Parábola Editorial, resolvemos fazer isso também. Listamos abaixo os 5 melhores livros de 2018 na perspectiva dos leitores e leitoras. Vale a pena conferir a dica quente e ainda adquirir o seu, caso ainda não os tenha lido. 

 

 

1 - Preconceito linguístico

Continuar lendo
  8553 Acessos
  0 comentários
8553 Acessos
0 comentários

Valorizar os livros

Valorizar-os-livros

 

“Presentear com livros não é a solução.
Tomar consciência da importância deles
na formação do indivíduo é que é."

 

 

A "pseudofalência" das duas maiores redes de livrarias do país chamou a atenção de algumas pessoas nestas duas últimas semanas. Alguns muito espantados, outros nem tanto... 

Continuar lendo
  4867 Acessos
  0 comentários
4867 Acessos
0 comentários

7 dicas para escrever bem

escrever-bem

Escrever pode parecer algo complicado, e é! Aquele frio na barriga que dá ao ter uma boa ideia, a insegurança de estar sendo incoerente, a sensação de que escrever é uma bobagem [não, não é!], de que seria um dom reservado a poucos [também não], todos são sentimentos que bloqueiam qualquer processo criativo. Seja ele para produzir textos da vida acadêmica, literária, jornalística ou por hobby.

 

Por isso, selecionamos as seguintes sete dicas para você escrever bem

 

 

Continuar lendo
  7518 Acessos
  0 comentários
7518 Acessos
0 comentários

Black Friday da Parábola

Blackfriday

 

 

Um final de semana de ofertas para uma vida inteira de conhecimento

 

Há alguns anos, a tradição da Black Friday começou no Brasil. Vai chegando o fim do ano e muita gente fica ansiosa para aproveitar as promoções. Todo mês de novembro, as lojas se preparam para conquistar os clientes com bons descontos, e os consumidores se preparam para a busca do melhor preço. 

Continuar lendo
  4857 Acessos
  0 comentários
4857 Acessos
0 comentários

Best-sellers para incrementar suas aulas de português

Best-sellers para incrementar suas aulas de português

Renegados ao lugar de livros menores, os best-sellers e sua importância estão sendo atualmente ressignificados. Um livro muito vendido não deve ser visto obrigatoriamente como sinal de baixa qualidade literária ou editorial. Diante do sempre mais facilitado acesso a informações, as redes de articulação intelectuais cresceram e os diálogos permitem que mais pessoas pesquisem e indiquem leituras adequadas e de qualidade em e para suas áreas de atuação.

Não é diferente com professores e professores. Hoje, nas redes virtuais e sociais, temos páginas, perfis, blogs e outros aplicativos voltados para a circulação de informações e referências bibliográficas. Com essa mudança de hábito, a procura por títulos específicos aumentou e sua venda também, elevando livros de ensino ao status de best-sellers, algo que há um tempo caracterizava literatura de nichos específicos como ficção científica, romances, livros infantojuvenis etc.

Então, visto que entender e conhecer o que há de novo no mercado editorial é essencial para o desenvolvimento de suas aulas, a Parábola Editorial destaca de seu acervo alguns livros que têm sido classificados como opções ideais para preparar as aulas de português e que queremos transformar em best-sellers. Vamos conhecer um pouco mais deles? 

 

Continuar lendo
  7179 Acessos
  0 comentários
7179 Acessos
0 comentários

O professor e o analfabetismo funcional

O-professor-e-o-analfabetismo-funcional

 

 

Mês de outubro, sala de aula e muitas pessoas focadas nas folgas e feriados que acompanham as comemorações do período: dia das crianças dia dos professores. Diante das rotinas de trabalho e do cansaço provocado pela correria da vida, parece que essas datas comemorativas são como uma válvula de escape. Um meio de se desligar dos problemas. Mas quais problemas poderiam ser esses, já que lecionar é uma das profissões mais nobres? Fazendo uma análise crítica, nos deparamos com fatos desanimadores como o analfabetismo funcional, a violência, a desvalorização da categoria.

 

 

Continuar lendo
  7876 Acessos
  0 comentários
7876 Acessos
0 comentários

“ME FORMEI. E AGORA?”

me-formei-e-agora

 

Cinco dicas para formandos[as] em Letras

“Me formei. E agora?” Esta frase assombra todo recém-formado. Sair de uma graduação é uma vitória; porém, encarar o fato de não saber qual o próximo passo a ser dado é um assombro.  

E se tivermos algumas dicas de como nos planejar para evitar esse “terror”?

Este post vem com este intuito: iluminar os caminhos dos recém-formados no curso de Letras. O mercado de trabalho para o profissional das Letras se mostra amplo e diversificado. Um formando em Letras pode lecionar, atuar como intérprete, tradutor, revisor, redator, pesquisador, entre outras funções. Isso permite a ele transitar em diversas funções, ampliar seu conhecimento e conseguir uma remuneração adequada a sua formação e capacidade profissionais.  

Continuar lendo
  14072 Acessos
  0 comentários
14072 Acessos
0 comentários

CARNAVAL

Adrien-Moreau-The-Carnival-Procession-w

 

A IDEIA DE CARNAVAL EM BAKHTIN

 

As ideias de carnaval e da correlata carnavalização emergem da leitura feita por Bakhtin da cultura folclórica popular da Idade Média e de sua transmissão no Renascimento, tema de seu livro Rabelais e seu mundo (quase todo escrito no final dos anos 1930 e durante os anos 1940, publicado em russo em 1965 e, em tradução para o inglês, em 1968). Em um sentido evidente, o carnaval é profundamente reflexivo do pensamento bakhtiniano como um todo, por levar as ideias-chave de corporificação e inacabamento a um extremo quase poético (pelo qual Bakhtin foi muito criticado). O livro sobre Rabelais está, portanto, mais obviamente relacionado com o ensaio sobre o cronotopo, ao elaborar, em sua ênfase sobre o vir-a-ser, a insistência em que nada é mais significativo do que a resistência ao fechamento, ao inacabamento do ser humano, à questão do processo de “como uma pessoa vem a ser outra” (FTC 115). Também se pode argumentar que, embora o ensaio sobre o cronotopo tenha focalizado o tempo como a “categoria primária” (FTC 85), o livro sobre Rabelais revisita o mesmo conjunto de problemas, só que agora priorizando “o princípio material corporal” (RM 19), em busca de todas as implicações da vida encarnada, participativa como base para um “conceito de ser [explicitamente] materialista” (RM 52). O tempo não está ausente do carnaval — se estivesse, não poderia produzir o desenvolvimento, o vir-a-ser requerido para a renovação e o renascimento (inacabamento) —, mas no carnaval como “espetáculo ritual” efetivo o tempo está suspenso: ele cede seu papel primário à habitação corporal do espaço de carnaval.

Continuar lendo
  8905 Acessos
  0 comentários
8905 Acessos
0 comentários
logo_rodape.png
Blog da Parábola Editorial
Todos os Direitos Reservados

Entre em contato

RUA DR. MÁRIO VICENTE, 394 IPIRANGA | 04270-000 | SÃO PAULO, SP
PABX: [11] 5061-9262 | 5061-8075
Sistemas Web em São Paulo

Search