Blog da Parábola Editorial

Blog da Parábola Editorial

Doutor em Linguística pela Universidade de São Paulo, tem experiência docente em Teoria e Análise Linguística e Historiografia Linguística. Docente da Graduação em Letras na Universidade Presbiteriana Mackenzie, onde também faz parte do corpo docente do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras (conceito 5 da Capes). Como pesquisador...

Doutor em Linguística pela Universidade de São Paulo, tem experiência docente em Teoria e Análise Linguística e Historiografia Linguística. Docente da Graduação em Letras na Universidade Presbiteriana Mackenzie, onde também faz parte do corpo docente do Programa de Pós-Graduação Stricto Sensu em Letras (conceito 5 da Capes). Como pesquisador atua principalmente em reflexões que coloquem em discussão: a) desenvolvimentos da linguística contemporânea, em suas diferentes vertentes no Brasil b) aspectos históricos da constituição do pensamento gramatical como forma de tratamento linguístico c) aspectos metodológicos, teóricos e epistemológicos dos estudos historiográficos na linguística d) aspectos epistemológicos, metodológicos e historiográficos dos estudos sobre texto e discurso. Entre 2011-2014 foi Coordenador do Curso de Letras da Universidade Presbiteriana Mackenzie. Desde 2011 é Editor Executivo da Revista Todas as Letras (Qualis A2). Autor dos livros "A palavra e a sentença" (Ed. Parábola - 2011), "Introdução à pragmática: a linguagem e seu uso" (Ed. Mackenzie, 2012), "Linguagem, comunicação, ação: introdução à língua portuguesa", com Alexandre H.T. Guimarães (Ed. Avercamp, 2012), "Introdução à Historiografia da Linguística" (Ed. Cortez, 2013). Organizador dos livros: "Língua e literatura: Machado de Assis na sala de aula" (Ed. Parábola, 2012, com Alexandre Huady Torres Guimarães); "Uma foto vale mais que mil palavras" (e-book, Ed. Paulus, 2014, com Alexandre Huady Torres Guimarães e Fred Izumi).

Mais

Desafios para o professor de língua portuguesa recém-formado: saberes teóricos necessários

Desafios para o professor de língua portuguesa recém-formado: saberes teóricos necessários

Os principais desafios para o professor de língua portuguesa 

Um bom professor de língua precisa entender que atualmente se considera o texto como elemento fundamental que possibilita a interação verbal, na oralidade e na escrita. Ele é entendido como unidade de comunicação, formada por elementos do sistema linguístico e por aspectos relacionados a seu uso. Nessa perspectiva, o texto é formado por sua estrutura morfossintática (elementos lexicais e gramaticais organizados de acordo com regras do sistema da língua), pelos seus níveis de significação e pelas suas possibilidades pragmáticas de interpretação, presentes quando a unidade textual está inserida em contextos específicos de uso.

  9970 Acessos
  0 comentários
9970 Acessos
0 comentários
logo_rodape.png
Blog da Parábola Editorial
Todos os Direitos Reservados

Entre em contato

RUA DR. MÁRIO VICENTE, 394 IPIRANGA | 04270-000 | SÃO PAULO, SP
PABX: [11] 5061-9262 | 5061-8075
Sistemas Web em São Paulo

Search