Blog da Parábola Editorial

A MATÉRIA DA VEJA

Tanta gente me alertou sobre a capa da Veja desta semana. Tanta gente me perguntou se eu vi. De certa forma, é minha obrigação ver. E as pessoas, de certa maneira, esperam que eu diga algo. Então eu fui comprar capuccino na Araújo e peguei uma Veja na arara, perto do caixa, estendida pelo Maurício Sinner Almeida, que me ajudava a carregar panetones.

249 Acessos
0 comentários

CURSO DE LETRAS? PRA QUÊ?

CURSO DE LETRAS? PRA QUÊ?MARCOS BAGNO(palestra proferida na abertura do EBREL 2012 que ocorreu em 18 de novembro, na UnB, Brasília, DF)

Vou começar essa conversa com uma afirmação clara e simples: a situação dos nossos cursos de Letras é catastrófica. Qualquer um: seja de universidade pública prestigiada em grande capital, seja de pequena faculdade isolada no sertão, a diferença é pouca. É doloroso ter que admitir isso. É angustiante, para uma pessoa apaixonada pelo estudo da linguagem em todas as suas manifestações, ter de escrever essas palavras: os nossos cursos de Letras são uma catástrofe. Por quê?

342 Acessos
0 comentários

ENSINAR NA UNIVERSIDADE

O objetivo deste livro é preencher uma lacuna na formação dos professores universitários. A maioria deles não recebeu a menor formação em pedagogia. Esse lapso de formação provoca um duplo problema:

De um lado, contribui para a frustração dos professores: o ensino se torna para eles uma atividade cada vez menos satisfatória. De outro, essa ausência de formação é parcialmente responsável pelas elevadas taxas de evasão e de fracasso dos estudantes das várias licenciaturas. Essa é uma constatação cuja divulgação se impõe

231 Acessos
0 comentários

POR QUE ESTUDAR LITERATURA?

É preciso ensinar literatura? A pergunta pode parecer brutal. Mesmo assim, merece ser feita. Diante de currículos de ensino sobrecarregados, é legítimo reservar tempo ao estudo de textos de natureza incerta e cuja função não está clara?

Neste ensaio, Vincent Jouve demonstra o papel imprescindível dos estudos literários porque eles participam da consciência daquilo que somos e incidem sobre a formação do espírito crítico, motor de toda evolução cultural.

 

A literatura tem um valor específico que confere legitimidade aos estudos literários, porque o confronto com as obras enriquece nossa existência ao abrir o campo dos possíveis.

234 Acessos
0 comentários

ANGÚSTIA DA DECISÃO

Então! É chegado o momento da angústia da decisão em concentração sazonal. O ano todo, vamos lendo e discutindo projetos, manuscritos, traduções, coletâneas, teses… mas chega o momento de toda primavera em que é necessário formatar um calendário de publicações. Ei-la que vem: a angústia de decidir.

240 Acessos
0 comentários

EPISTEME

Publicaremos na próxima semana um novo livro, intitulado Hermenêutica, de autoria de Jean Grondin [trad.: M. Marcionilo]. O livro sairá em nossa coleção Episteme, e é dessa coleção que esse post tratará.

Entre todas as nossas coleções, a Episteme é ainda a menos conhecida, ainda a menos procurada por nossos leitores, com exceção do título Foucault - a coragem da verdade, algumas vezes reeditado. Ali estão publicados títulos situados na interface dos estudos da linguagem com a filosofia da linguagem que merecem atenção.

277 Acessos
0 comentários

LIBRAS, LIVROS, ELEIÇÕES

Publicamos em 2009 um livro intitulado LIBRAS - que língua é essa? Crenças e preconceitos em torno da língua de sinais e da realidade surda, de Audrei Gesser. Desde então, LIBRAS - que língua é essa? tem feito um caminho próprio, uma trajetória de inserção na realidade surda, que finalmente começa a se exprimir abertamente em língua de sinais, sua melhor tradução e expressão mais legítima.

Hoje, 14 de setembro de 2012, estamos lançando o segundo livro de Audrei Gesser pela Parábola Editorial, e é esse o momento de reconhecer que O ouvinte e a surdez – sobre ensinar e aprender a LIBRAS é nosso segundo passo num mundo novo, do qual já nos sentimos habitantes em razão dos caminhos desbravados por LIBRAS - que língua é essa?, precursor da participação da Parábola Editorial em um movimento que, na última década, vem ouvindo a voz de uma minoria silenciada pela natureza e pela ordem imposta pela defesa insensata do ouvintismo.

226 Acessos
0 comentários

A gramática passada a limpo

A gramática passada a limpo

Conceitos, análises e parâmetros

Maria Helena de Moura Neves

Parábola Editorial

São Paulo

Continuar lendo
232 Acessos
0 comentários

LINGUA[GEM]

Todos os seres humanos, e muito caracteristicamente nós, os profissionais do livro, vivemos na lingua[gem], da lingua[gem] e para a lingua[gem]…

Essa é uma realidade que pouco se enxerga, porque a lingua[gem] é esse grande todo que nos envolve, esse oceano no qual estamos desde sempre nos movendo, essa especificidade humana que desenvolvemos claramente sem perceber: quando vemos, ainda na infância, estamos falando articulada e complexamente. Com o passar do tempo e com a frequência à escola, nos vemos escrevendo, calculando, e depois passando a fazer ciências, literaturas, poesia…

253 Acessos
0 comentários

PARÁBOLA EMPLACA 4 TÍTULOS NO PROGRAMA DO ESTADO DE SÃO PAULO

Abril Educação é campeã do programa do Estado de SPPublishNews - 15/08/2012 - Iona Teixeira Stevens e Carlo Carrenho

Editora coloca cerca de 1,5 milhão de livros no programa de incentivo a leitura

A Secretaria de Educação do estado de São Paulo disponibilizou para consulta a relação de títulos de ficção e não ficção selecionados nos seguintes programas: Programa Apoio ao Saber por série/ano 2012, Leituras do Professor 2012 e Acervos Salas de Leitura 2012

261 Acessos
0 comentários

A tese, um desafio possível

Há um livro nosso, publicado em julho de 2011, ao qual todos os nossos leitores e leitoras em fase de doutorado precisam prestar atenção, porque foi publicado pensando nele(a)s:Francisco Perujo Serrano, “Pesquisar no labirinto - a tese, um desafio possível”. Trad.: M. Marcionilo. São Paulo: Parábola Editorial, 2011, 160pp.

Nossa intenção ao publicá-lo é pôr ao alcance de nossos doutorandos e doutorandas um livro que situa, à luz mais clara possível, o que é e para que empreender uma pesquisa de doutorado. Há muitos equívocos em torno desse momento da formação acadêmica e muitas ilusões. Diante especialmente das ilusões, especialmente diante daquelas que se esboroam na mesa dos editores, que recebem teses e mais teses que não conseguem publicar, dadas as diferenças entre uma tese e um livro,  foi um grande alívio encontrar e editar um livro no qual o autor afirma com todas as letras que o doutorado não é o suprassumo de tudo, e sim um momento capital na formação de professores/pesquisadores. Nada está coroado e completo imediatamente depois da defesa. É a partir desse ponto que tudo começa. E são poucos aqueles que, exaustos do esforço, conseguem escutar isso.

279 Acessos
0 comentários

E nasce um blog, mas não simplesmente mais um... Parábola inaugura o seu espaço de ideias!

Iniciar um blog é sempre um grande passo, porque supõe a decisão de abrir um espaço de diálogo com nossas leitoras e leitores e o propósito de mantê-lo aberto, lançando discussões, encaminhando e respondendo perguntas. Para tomar a decisão e manter firme o propósito, queremos contar com as contribuições de nossos autores e autoras, para poder defender nossos projetos editoriais, divulgar nossos lançamentos, comentar nosso fundo de catálogo, buscar inspiração para novas iniciativas.

247 Acessos
0 comentários

Congratulations! You have successfully installed EasyBlog!

Thank you for making the right decision to start blogging in your Joomla! website.
302 Acessos
0 comentários
logo_rodape.png
Blog da Parábola Editorial
Todos os Direitos Reservados

Entre em contato

RUA DR. MÁRIO VICENTE, 394 IPIRANGA | 04270-000 | SÃO PAULO, SP
PABX: [11] 5061-9262 | 5061-8075
Sistemas Web em São Paulo

Search