Blog da Parábola Editorial

5 livros para ler em 2019

5-livros-para-ler-em-2019

Já sabe quais são os melhores livros para você ler em 2019? É fundamental você reservar o  tempo necessário para a atualização e busca de novas perspectivas pedagógicas e enriquecer suas estratégias de ensino e aprendizagem.   

 

No artigo de hoje, separamos as melhores leituras para você intensificar os seus conhecimentos e orquestrar as melhores aulas em 2019. Confira! 

 

1. A linguística, o texto e o ensino da língua

O sucesso de qualquer empreendimento pedagógico depende de que os estudantes sejam aptos a ler e escrever com desenvoltura, competência a ser cultivada ao longo de toda a vida escolar.

 

Pode ser contínua e eficientemente estendida por duas vias conjugadas: a reflexão sobre a natureza simbólica da linguagem e a revelação dos efeitos de sentido de um texto com base em sua construção formal.

 

O que move as linhas desse livro, de José Carlos de Azeredo, é a importância da palavra como eixo de qualquer projeto educacional, uma vez que é na posse e no exercício da linguagem que se reconhece o traço essencial do modo humano de ser. 

 

Você tem aqui um dos livros para ler em 2019 que possibilitará ao estudante um salto qualitativo nos planos intelectual e cultural, porque ela encara a  língua como uma forma de conhecer, de ser e de atuar no mundo. Simplesmente incrível!   

 

 

 

2. Artigo de opinião: sequência didática funcionalista

A sequência didática funcionalista aqui proposta está prevista para acontecer durante todo um bimestre ou ciclo e envolve dezesseis atividades de ensino a serem executadas em 32 aulas. 

 

As autoras, Vânia Cristina Casseb-Galvão e Milcinele da Conceição Duarte não definiram critérios de avaliação quantitativa para os alunos, por entendê-los como específicos dos projetos pedagógicos das escolas e faculdades. 

 

No entanto, está prevista uma avaliação qualitativa da sequência e da aprendizagem, que deve ser contínua no decorrer das atividades, a partir das observações do professor (e do aluno, quando for o caso). 

 

Nossa sequência didática foi pensada e elaborada para os alunos do nível médio da educação básica e dos anos iniciais do ensino superior. Para contemplar as grades curriculares específicas desses níveis de ensino.  

 

Optou-se pela sequenciação de atividades articuladas a partir do gênero artigo de opinião. Tal opção também contempla as habilidades requeridas no ENEM, principal processo seletivo para o ingresso no ensino público superior.

 

 

 

3. Do signo ao discurso: introdução à filosofia da linguagem

Tenha em mente que esse é um dos livros para ler em 2019 que não pode faltar na sua lista. Ele discute: como as palavras se relacionam com o mundo? Eis aí o velho problema da referência que, desde Platão até Davidson, tem perturbado filósofos, linguistas, teóricos da comunicação. 

 

Do signo ao discurso – Introdução à filosofia da linguagem aborda as questões, os autores e os temas essenciais para compreender a relação entre linguagem e realidade, palavras e coisas, o problema do significado, de como com as palavras dizemos algo a alguém e somos compreendidos.

 

Além disso, descreve sobre o papel dos jogos de linguagem e dos atos de fala nos processos comunicativos, a questão da fala como prática humana entre outras práticas. Esses temas são analisados por Inês Lacerda Araújo em diferentes perspectivas, autores e escolas de pensamento.

 

Um arco histórico que se inicia com a virada linguística em fins do século XIX e vem até nossos dias, com as teorias do discurso.

 

 

 

4. Da redação à produção textual: o ensino da escrita

O exame das redações escolares revela que a escola ensina a escrever redação escolar, um conjunto de palavras organizadas em frases dispostas em forma de texto com a intenção única de: 

  • reproduzir um padrão de linguagem; 
  • reproduzir um modelo de organização das partes em que se deve dividir a exposição; 
  • reproduzir um conjunto de ideias alheias tiradas de um repertório comum.

E por que apenas reproduzir? Porque a escola deixou bem claro que esse padrão de linguagem, esse modelo de organização das partes e esse conjunto de ideias são os únicos que ela aceita.

 

Da redação à produção textual – o ensino da escrita, de Paulo Coimbra Guedes, propõe a você desconstruir essa prática reprodutiva e avançar para a produção de texto, isto é, para o uso consciente dos recursos expressivos da língua, com a finalidade de produzir efeitos deliberados sobre leitores bem determinados. 

 

 

 

5. Em busca de Ferdinand de Saussure

Cem anos depois de sua morte, Saussure continua a suscitar paixões: artigos e livros se acumulam, em todas as partes do mundo. Por que tamanho interesse por um linguista, no momento em que a linguística, segundo se diz, está mergulhada no tédio? 

 

Porque a longa meditação de Saussure sobre a linguagem e as línguas é uma das mais profundas levadas a cabo até hoje. Com uma paciência infinita, quase sempre tingida de angústia, Saussure explora todas as "cavernas" da linguagem. 

 

Nesse processo todo, ele terá posto a nu os parentescos entre a linguagem e as outras "semiologias" que são a escrita, a lenda e a mitologia e se confrontará dolorosamente com o enigma dos "anagramas" na poesia.

 

O efeito dessa reflexão inacabada será determinante, tanto para a linguística quanto para a semiótica e, atravessado o campo das ciências da linguagem, para todas as ciências humanas: pensemos em Merleau-Ponty, em Lévi-Strauss, em Lacan...Com uma paciência comparável à do grande linguista genebrino, Michel Arrivé explora aqui o pensamento de Saussure.

 

O que você achou das nossas indicações de livros para ler em 2019? Você pode adquirir essas e outras novidades no nosso site.

 

 
LINGUÍSTICA E TRADIÇÃO GRAMATICAL
Como definir o tema do TCC em 5 dicas rápidas
 

Comentários

Nenhum comentário feito ainda. Seja o primeiro a enviar um comentário
Já Registrado? Login Aqui
Visitantes
Sábado, 19 Outubro 2019
logo_rodape.png
Blog da Parábola Editorial
Todos os Direitos Reservados

Entre em contato

RUA DR. MÁRIO VICENTE, 394 IPIRANGA | 04270-000 | SÃO PAULO, SP
PABX: [11] 5061-9262 | 5061-8075
Sistemas Web em São Paulo

Search